Governo americano gasta 25 milhoes para confirmar relação de Celulares com câncer

Radiação de telefones celulares aumenta a taxa de Câncer em animais;
O estudo da agência NTP que gastou US $ 25 milhões  constata tumores cerebrais

 

gemeos.celularEspera-se que o Governo dos EUA faça um anúncio público dos  riscos à Saúde pelos telefones celulares

25 de maio de 2016

A controvérsia  sobre câncer causado por telefone celular nunca mais será a mesma novamente.

Programa Nacional de Toxicologia (NTP) dos Estados Unidos deverá emitir um anúncio público de que a radiação do telefone celular apresenta um risco de cancro para os seres humanos. O movimento vem logo após seu recém-concluído estudo ter mostrado aumentos estatisticamente significativos de câncer entre os ratos que tinham sido expostos a sinais GSM ou CDMA (Radiação utilizada por celulares) por dois anos.

Discussões estão em andamento entre as agências federais sobre a forma de informar o público sobre as novas descobertas. Gerentes seniores da NTP acreditam que estes resultados deveriam ser liberados o mais rápido possível, porque quase todo mundo está exposto à radiação sem fios o tempo todo e, portanto, todos estão potencialmente em risco.

Os novos resultados contradizem a sabedoria convencional, defendidos por médicos, biólogos, físicos, epidemiologistas, engenheiros, jornalistas e funcionários do governo, entre outros especialistas, que tais efeitos são impossíveis. Esta visão é baseada, em parte, a falta de um mecanismo estabelecido para a radiação RF (Radio Frequencia) a partir de telefones celulares induzir câncer. Por exemplo, no início desta semana (22 de maio), um médico em Michigan escreveu  em um artigo para o Wall Street Journal afirmando que: “Não há nenhum mecanismo conhecido pelo qual telefones celulares podem causar tumores cerebrais.” Ele passou a argumentar que não há necessidade de alertar o público sobre os riscos à saúde.

Os resultados da NTP mostram que  quanto maior a  a intensidade da radiação por celulares, maior foi a incidência de cancro entre os ratos. “Houve uma relação significativa dose-resposta,” uma fonte confiável, que tem sido informado sobre os resultados, disse ao site Microwave News.  A fonte pediu anonimato pois o NTP ainda não havia feito um anúncio formal. As ratazanas foram expostas a três níveis de exposição diferentes (1,5, 3 e 6 W / kg, a exposição de todo o corpo) e dois tipos diferentes de radiação do telefone celular, GSM e CDMA.

Uma coincidência incrível?

Mais importante, os ratos expostos passaram a ter taxas mais elevadas de dois tipos de cancros: glioma , um tumor das células gliais do cérebro, e  schwannoma do coração, um tumor maligno muito raro. Nenhum dos ratos controle não expostos desenvolveu qualquer tipo de tumor.

Uma série de estudos epidemiológicos têm ligado telefones celulares para ambos tumores, os gliomas e células de Schwann. O estudo Interphone , por exemplo, encontrou uma associação entre o uso de telefones celulares e gliomas.

A bainha que envolve o entorno dos nervos cranianos -tais como a que liga o ouvido interno ao cerebral é feito de células de Schwann. Os tumores dessas células são chamados neuromas acústicos . Isto é, um neuroma acústico é um tipo de Schwannoma. Pelo menos quatro estudos epidemiológicos diferentes encontraram uma associação entre o uso de telefones celulares e neuromas acústicos.

Ron Melnick , que liderou a equipe que projetou o estudo NTP e que agora está aposentado, confirmou o contorno geral dos resultados detalhados pela fonte confidencial. “O NTP testou a hipótese de que a radiação do telefone celular não poderia causar efeitos na saúde e que a hipótese já foi refutada”, ele disse em uma entrevista por telefone . “O experimento foi feito e, depois de extensas revisões, o consenso é que houveram efeitos cancerígenos “.

“Estes dados redefinem a controvérsia sobre a  radiação do telefone celular”, disse Melnick. A segurança dos telefones celulares tem sido debatida por mais de 20 anos, especialmente depois de a Agência Internacional de Investigação do Cancro ( IARC ) ter classificado a radiação de Radio Frequencia como um possível carcinogéneo humano em 2011.

“Este é um importante problema de saúde pública porque as células que se tornaram cancerosas nos ratos eram os mesmos tipos de células  que se transformaram em tumores como têm sido relatados em estudos epidemiológicos  de telefone celular”, acrescentou Melnick. “Para que isso seja uma coincidência fortuita seria realmente incrível.”

O projeto radiação NTP, que está em andamento há mais de uma década, é o mais caro já realizado pelo programa de toxicologia. Mais de US $ 25 milhões foram gastos até agora.

Outra coincidência interessante é que o estudo Ramazzini de ratos em Bolonha expostos a frequências extremamente baixa  (50 Hz) CEM também desenvolveu um aumento significativo na schwanoma maligno do coração.

Os resultados do estudo NTP estão em espera

Devido à importância destes resultados para a saúde pública, a NTP tem alertado os mais altos níveis do National Institutes of Health ( NIH , Instituto Nacional de Saude ), onde ha resistência solicitando revisões mais profundas. Não foram identificadas falhas graves nos dados ou a condução dos estudos.

Os gerentes seniores, incluindo Linda Birnbaum , diretor do Instituto Nacional de Ciências de Saúde Ambiental ( NIEHS ), que também serve como o diretor do NTP, e John Bucher , diretor associado do NTP, que está encarregado do estudo do telefone celular, estão de pé pelos resultados do estudo. Eles vêem a necessidade de liberar os resultados como um imperativo de saúde pública, de acordo com a fonte.

Chris Portier , que uma vez realizado o trabalho de Bucher, concorda que a NTP está fazendo a coisa certa. “Eu ficaria convencido de que devemos compartilhar os dados com o público, logo que possível”, disse ele em uma entrevista. O estudo do telefone celular foi iniciado enquanto Portier estava servindo como diretor associado do NTP. Ele agora está aposentado, mas ele continua a trabalhar como consultor.

Após discussões são prolongadas, as duas agências federais responsáveis por regular a exposição a radiação do telefone celular, a Food and Drug Administration ( FDA ) ea Comissão Federal de Comunicações ( FCC ), foram informados sobre os resultados na semana passada. Não está claro como essas agências reguladoras pretendem responder.

Todas as várias agências estão agora no processo de planejamento da liberação dos resultados NTP. Nem Birnbaum nem Bucher respondeu a um pedido de comentário sobre como isso será feito.

Os resultados inesperados

Poucas pessoas de fora da NTP tem conhecimento dos resultados . Quando o site  Microwave News disse a alguns daqueles que têm seguido o estudo há anos que havia sido encontrado, todos expressaram surpresa.

De fato, em uma entrevista anos atrás publicados, o diretor associado da NTP, Bucher disse que esperava que os resultados não mostrassem alguma associação entre radiação RF e câncer.

“Todos esperavam que este estudo teria um resultado negativo”, disse um oficial sênior do governo de radiação, que pediu que seu nome não fosse usado. “Assumindo que as exposições foram realizadas de uma forma que efeitos de aquecimento pudessem  ser descartados, em seguida, aqueles que dizem que os efeitos encontrados são impossíveis estão errados”, disse o oficial. (O estudo foi desenhado para assegurar que a temperatura do corpo dos ratos expostos aumento inferior a 1 ° C).

“Esta é uma virada de jogo, não há dúvida”, disse David Carpenter , diretor do Instituto de Saúde e Meio Ambiente na Universidade de Albany. “Ele confirma o que temos visto há muitos anos -embora agora temos provas em animais bem como em humanos.” Carpenter passou a acrescentar: “A NTP tem a credibilidade do governo federal. Vai ser muito difícil para os opositores  negarem a associação. “O instituto de Carpenter é um centro colaborador da Organização Mundial da Saúde ( OMS ).

John Boice , o presidente do Conselho Nacional de Radio-proteção e Medidas ( NCRP ), é um dos líderes céticos . “Para a maioria de nós, a questão do câncer de cérebro e telefones celulares está resolvido. Não há nenhum risco. Não há nenhum mecanismo biológico e nenhum estudo animal ou estudo celular que encontra provas reprodutíveis de um efeito “, Boice disse a um repórter da Medscape Medical News no início deste mês.

Este ponto de vista estáva tão profundamente decidido até  que, no verão de 2014, a NCRP pressionou os Centers for Disease Control ( CDC ) para excluir parecer de precaução no informativo sobre telefones celulares.

O resultado da TP acaba confimando um estudo animal anterior, o relatório da Alemanha por Alex Lerchl do ano passado qeu mostrou também que a radiação do telefone celular pode promover tumores em ratos que foram induzidos por substâncias químicas tóxicas. Os experimentos NTP não utilizar qualquer agente tóxico para iniciar as células cancerosas nos animais.

No que diz respeito aos mecanismos, apenas um par de meses atrás, Frank Barnes e Ben Greenebaum , dois altos membros da comunidade de pesquisa RF, anunciaram que poderiam explicar como baixos níveis de radiação RF poderia alterar as taxas de crescimento das células cancerosas.

______________

NTP Projeto animal RF: Timeline

      1999          FDA nomeia RF a partir de dispositivos sem fio, ao controlo de NTP

      2001          NTP decide patrocinar estudos RF-câncer

      2003          NTP solicita propostas de experimentos RF-câncer

      2004         NTP emite segundo pedido de propostas

      2005         NTP assina contrato com IITRI em Chicago para realizar exposições

      2007         sistemas de exposição realizadas por IT’IS instalado no IITRI

      2009         O investigador principal Ron Melnick se aposenta, Michael Wyde assume

      2014-15    Exposições de estudos de dois anos concluídos

      2016         Resultados em mão

Link original:http://microwavenews.com/news-center/ntp-cancer-results

___________________________

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: